A nossa contribuição para doblegar a curva ante esta pandemia

Desde o início desta situação de emergência provocada pela propagación do coronavirus COVID-19, e sendo conscientes de que toda a contribuição e ajuda desde qualquer âmbito podia ser sumamente importante, nos pusemos a trabalhar em diversas frentes nos que achávamos que podíamos contribuir a nossa pequena contribuição na luta por combater esta pandemia global.

O primeiro, obviamente, foi garantir a segurança e a saúde de toda a nossa equipa, implantando as medidas necessárias seguindo as recomendações das autoridades sanitárias (fomento do teletrabalho, dotação de equipas de proteção individual, restrição de viagens e reuniões presenciais, etc.).

Por outra parte, tão cedo como o Ministério de Previdência solicitou o posto ao seu dispor de diferentes tipos de material sanitário e de proteção, informamos através do canal oficial dos recursos que dispúnhamos válidos para uso sanitário, que entregamos às autoridades para a sua distribuição.

De uma necessidade que se convertia em básica nestas condições, como é abrir portas e premer botões evitando o contacto direto, surgiu a ideia de criar um útil que facilitasse estas interações diárias com a maior segurança e ergonomía. Assim, depois de vários protótipos, nasceu LU_Touch, cujo desenho publicamos baixo licença Creative Commons para que qualquer utente de uma impressora 3D pudesse fabricar em qualquer parte do mundo.

Assim que começava-se a vislumbrar a escassez de material sanitário e equipas de proteção individual (EPIs), começamos a fabricar internamente e de forma intensiva diversos produtos deste tipo, especialmente ecrãs protetores e abre-portas LU_Touch, para a sua doação a diversas entidades e organizações do nosso meio. Depois de vários dias de desenvolvimento, e baixo a coordenação de ASIME e a Universidade de Vigo, bem como outras empresas do nosso meio, pudemos fabricar e doar em tempo recorde 10.000 unidades de abre-portas LU_Touch a centros hospitalares e outras entidades sanitárias.

Também colaborámos com profissionais e pesquisadores do âmbito sanitário para o desenvolvimento de um bifurcador que permitisse duplicar a capacidade dos respiradores disponíveis ante o bico da pandemia, que se entregaram a diversos centros sanitários para a sua validação.

Diversos meios de comunicação fizeram-se eco destas doações, e numerosas empresas e particulares contactavam-nos para informar-se sobre como podiam adquirir estes produtos para uso particular ou para garantir a segurança dos seus trabalhadores. Ante o delicado da situação, no seu momento preferimos priorizar e centrar a nossa capacidade de fabricação em continuar dotando aos centros sanitários das equipas de proteção que precisavam, até que estes conseguiram finalmente garantir um correto abastecimento.

Em Lupeon, doamos, em colaboração com várias organizações, várias soluções para retardar o avanço dessa pandemia. Queremos agradecer a todos aqueles que nos encorajaram e nos ajudaram nesses momentos críticos. Anime todos!

#EsteVirusLoParamoloUnidos #HackThePandemic